Marketing no Instagram: Como aumentar o número de seguidores

Você sabia que o Instagram tem mais de 400 milhões de usuários ativos mensalmente? E o fato de que mais de 40 bilhões de fotos têm sido compartilhadas na rede social que mais cresce atualmente?

Apesar do Instagram ser um dos maiores sites de rede social existentes, maior até que o Twitter, seu poder é negligenciado pela maioria dos profissionais de marketing.

Por que será?

Existem muitas razões para isso:

• Falta de conhecimento.
• Incerteza em relação a que tipos de imagens compartilhar.
• Incapacidade de criar um plano de marketing prático.

E isso é só o começo. Infelizmente, se você deixar que uma dessas desculpas lhe prenda, você estará perdendo uma oportunidade de se engajar com um público-alvo que está se expandindo rapidamente no mundo todo.

Com 21% de toda a população adulta utilizando o Instagram, agora é a hora da sua marca implementar um plano de marketing sólido, com o objetivo de gerar resultados imediatos.

Então, como criar uma estratégia de marketing no Instagram (Sprout Social)

Uma coisa é usar o Instagram. Outra coisa é criar uma estratégia de marketing que produza resultados sérios. E é por isso que a Sprout Social publicou esse guia.

Veja um trecho do guia, mostrando porque o marketing no Instagram é tão importante:

“Conforme as pessoas se juntam em massa ao Instagram, as marcas têm uma oportunidade única de se engajar com seus fãs: Postagens no Instagram geram uma taxa de engajamento de 4,21% por seguidor, que é 58 vezes mais engajamento por seguidor do que no Facebook e 120 vezes mais do que no Twitter.”

Se engajamento é importante pra você (e deve ser), o Instagram deve tomar tanto do seu tempo, atenção e recursos quanto o Facebook e o Twitter.

Nesse guia, você aprende como criar uma estratégia bem sucedida de marketing no Instagram. Por exemplo, a primeira sugestão é definir seus objetivos. Isso significa responder a perguntas como:

  • O que o Instagram oferece que outras plataformas não oferecem?
  • Quem é seu público-alvo?
  • Quais membros do seu público-alvo são ativos no Instagram?
  • Como você pode combinar seu plano de marketing no Instagram com outras estratégias sociais?

Se você quer atingir sucesso no Instagram, esse guia irá lhe apontar a direção certa. Conforme você for lendo, não se surpreenda se encontrar informações sobre, por exemplo, como monitorar tags de localização que você nunca havia pensado antes.

Esse guia do Sprout Social irá melhorar sua habilidade de criar e implementar uma sólida estratégia de marketing no Instagram.
*Guia em inglês, ative o tradutor do seu navegador caso necessário.

Hora de começar!

By Neil Patel

Marketing nas Redes Sociais com Orçamento Limitado

Você tem um orçamento de marketing?

O quanto desse valor você direciona para o marketing nas redes sociais?

De acordo com a Fuqua School of Business da Universidade de Duke, profissionais de marketing estão direcionando aproximadamente 10% do seu orçamento para redes sociais.

E, espera-se que 13,2% da média do orçamento de marketing seja direcionado para redes sociais nos próximos 12 meses.

Cada ação que você realiza nas mídias sociais deve ser dirigida por uma estratégia.

Muitas vezes, quando você está com o orçamento limitado, tomar decisões apropriadas sobre qual ponto do marketing nas redes sociais você precisa investir mais pode ser desafiador.

A principal questão não é o quanto você tem de orçamento e sim como você pretende gastá-lo.

Algumas marcas gastam milhões em marketing, enquanto outras gastam algumas centenas em dólares e incorporam métodos promocionais gratuitos.

As redes sociais evoluíram de serem plataformas onde você conhece novos amigos para se tornarem um centro de negócios – uma forma de promover a sua empresa e aumentar os rendimentos.

Quando você está com um orçamento apertado, é ainda mais importante gastar da forma correta.

Se você tem R$100 reiais para investir em marketing nas redes sociais, o que você investir irá determinar onde você irá chegar.

Para ser capaz de replicar o seu sucesso, ou saber quando parar de usar um canal ou tática em particular, você precisa documentar e medir os resultados da sua estratégia.

Uma pesquisa feita pelo Instituto de Marketing de Conteúdo, descobriu que marcas que registram suas estratégias de mídias sociais são mais confiantes e efetivas em atingir os seu objetivos.

Atualmente você investe dinheiro em marketing nas redes sociais? Qual é a sua experiência?

By Neil Patel

Como Usar o Poder da Emoção Para Melhorar o Marketing nas Mídias Sociais

Você sabia que podemos usar 10.000 variações faciais para expressar uma ampla variedade de emoções?
Os humanos são seres naturalmente emocionais. Eles gostam de sentir e, quando sentem, também gostam de compartilhar com amigos e família. E é por isso que as redes sociais progridem tanto.
Mas existem alguns tipos de posts que são compartilhados mais que outros. Em um estudo de 1,6 milhão de posts sociais orgânicos no Twitter, Facebook e Google+, o Social Flow descobriu que 99% dos posts recebem algo semelhante a zero em engajamento.
Mas alguns poucos se tornam virais rapidamente. A razão implícita é porque eles instigam o leitor a sentir uma emoção muito forte. Talvez esteja fazendo o seu público feliz, talvez triste ou até mesmo zangado.

A questão é que pessoas somente compartilham o seu conteúdo se ele tocar o emocional delas (e não o racional).

By Neil Patel

7 Estratégias de Marketing da Apple Que Você Deveria Aprender

Você já olhou para uma marca ou uma pessoa de muito sucesso – uma celebridade, por exemplo, ou, uma grande empresa – e se perguntou, “Como eles conseguem?“

A Apple é uma dessas marcas. Quase tudo o que lançam faz sucesso. A empresa teve um crescimento de receita quase sem comparação entre 2004 e 2014 — de $8 bilhões para $180 bilhões. Isso é impressionante.

Mas o sucesso da Apple não quer dizer apenas ganhar muito dinheiro, ou vender muitos produtos. Quantas empresas realmente mudaram as regras do jogo em seus nichos da forma como a Apple tem feito?

Além disso, a estratégia de marketing da Apple fez isso repetidas vezes, apesar do que os seus críticos têm a dizer. O iPod, o iPhone, o iPad… todos esses produtos praticamente revolucionaram os seus respectivos “espaços“ de mercado.

A Apple cria clientes evangelistas que esperam na fila por horas a fio somente para comprar a primeira edição de qualquer um de seus produtos no minuto em que são lançados.

A Apple faz tudo isso tão bem que há sites inteiros dedicados completamente aos produtos da Apple e sua estratégia de marketing. Até mesmo publicações jornalísticas de alto nível como o The Atlantic escrevem incansavelmente sobre a empresa, dissecando o que ela faz e como consegue.

A Apple vai além do rótulo de “marca de computadores“ — eles criam produtos que seus clientes acreditam que tornem a vida melhor, mais fácil, mais divertida e mais legal.

Como é que eles conseguem?

Bem, design e utilidade são apenas duas razões por trás do sucesso da empresa.

Mas, o mais importante para você e para mim, o segredo da Apple para transformar compradores casuais em embaixadores da marca pode ser aplicado a praticamente qualquer negócio, em qualquer nicho ou indústria.

Neste artigo, vou revelar sete pilares da mundialmente famosa estratégia de marketing da Apple que você poderá adaptar ao seu próprio negócio.

1. Repense Sua Necessidade de Publicidade
2. Evite Disputas Baseadas em Preço Enfatizando Sua Proposta Única de Valor
3. Mantenha Seu Marketing e Seus Produtos Simples
4. Conheça Seu Público-Alvo e Fale com Ele Usando Uma Linguagem Familiar
5. Planeje Uma Melhor Experiência do Usuário
6. Mire Nas Emoções do Seu Público-Alvo
7. Construa uma Comunidade de Usuários ou Clientes

Conclusão

Uma das formas mais rápidas de se atingir um a meta é seguir o exemplo de outros que já atingiram a mesma meta e foram bem-sucedidos.

A Apple é um exemplo para qualquer marca moderna e inteligente que deseja criar uma base de clientes defensores da marca e que também sejam super fiéis, recomendando a seus amigos e familiares.

A ideia não é copiar a Apple. Mas sim, ter uma noção de como a Apple – ou qualquer outra empresa de sucesso – obtém sucesso, e então encontrar formas criativas para se fazer o mesmo no seu negócio, sempre se mantendo consistente com a sua marca.

Você também pode aprender muito com a concorrência. Uma análise competitiva pode lhe dizer o que eles estão fazendo certo e o que você pode aprender e aplicar em seu próprio marketing.

Quais as outras lições você pode tirar das estratégias de marketing da Apple?

By Neil Patel