4 dicas incríveis de marketing digital para dentistas

Profissionais que trabalham na área de odontologia podem aproveitar as possibilidades do marketing digital para fortalecer a visibilidade do seu negócio e conquistar mais clientes. Basta implementar as estratégias adequadas para esse segmento e seus objetivos.

De que maneira você está buscando intensificar a exposição do seu consultório odontológico? A internet oferece oportunidades valiosas para atingir o público que você deseja, então comece o quanto antes para evitar que os seus concorrentes tomem o seu lugar.

Meios como redes sociais, e-mail marketing, blogs, entre outros, são ótimas maneiras de solidificar a autoridade do seu consultório e chegar mais perto do sucesso. Vamos começar?

Confira quatro dicas incríveis de marketing digital para dentistas:

1. Conheça bem o seu público e defina sua persona

Entender bem o que pensam os seus potenciais clientes é o caminho para desenvolver estratégias vencedoras de marketing digital para dentistas. Procure saber quais são as necessidades e desejos deles, que tipo de conteúdo buscam na internet e o que valorizam em um bom consultório odontológico.

Nesse sentido, é muito importante saber o que é persona e quais são as diferenças para o público-alvo. Em resumo, a persona é um perfil semi-fictício de um cliente ideal, descrevendo suas necessidades e desejos, além da ocupação e outros dados relevantes. Isso personificará a pessoa para quem você falará.

Para se chegar à persona, é preciso fazer pesquisas, entrevistas com clientes, enquetes etc. Isso guiará suas ações de marketing, uma vez que você saberá quando, onde e como falar com quem tem mais interesse no que está sendo dito.

Todas essas informações serão valiosas para você elaborar um planejamento focado nesse público. Sem isso, você arrisca a comunicar-se de maneira incorreta e não gera os resultados esperados.

2. Publique conteúdo relevante

As redes sociais, posts no blog do seu site e o envio de e-mail marketing são instrumentos bastante poderosos para uma estratégia de marketing digital. Leve em consideração as informações do passo anterior para entender bem que tipo de material você deve desenvolver e captar a atenção do seu público.

Evite criar um conteúdo completamente publicitário. Entregue valor e relevância com suas publicações ao adotar pautas que são do interesse de seus potenciais clientes. Todo conteúdo deve ser consistente, coerente, gerar uma conexão e ter um tom menos informal.

2.1. Redes sociais

A partir do conhecimento da sua persona, você saberá quais são as redes sociais que ela mais frequenta e em qual horário. Pode ser no Facebook, Twitter, LinkedIn, Instagram, entre outras. Cada uma requer um planejamento e um formato de postagem diferentes.

Então, publique posts relevantes, próprios ou não, que tenham semelhança com a sua área. Dicas, novidades e enquetes, por exemplo, podem fazer o público se engajar e acompanhar sua página de perto.

2.2. Blog posts

Essa é uma das melhores e mais eficazes ferramentas de conteúdo. Por meio dela, você poderá informar e educar seu público sobre diversos temas com os quais você lida e que podem interessá-los.

Entregue conteúdo de valor, seguindo a persona e o estágio da jornada de compras em que ela está. Faça postagens com regularidade que respondam as dúvidas e resolva os anseios dos possíveis clientes.

2.3 E-mail marketing

Esse meio é muito importante para estreitar os laços, tanto com quem ainda não é seu cliente, como com quem já é. Envie e-mails relevantes, com promoções, informativos, conteúdos e, inclusive, parabenizando por datas importantes.

Isso torna o relacionamento com o possível cliente mais próximo, já que é uma das formas mais usadas de comunicação. Afinal, nem todo mundo tem um facebook, por exemplo, mas a maioria tem, pelo menos, uma conta de e-mail.

[EBOOK GRATUITO] Manual do Marketing Digital para consultórios e clínicas

3. Contexto

Se faltarem ideias para desenvolver suas pautas, contextualize! O contexto é um conceito-chave que acaba sendo esquecido. Fique antenado nos assuntos do momento para adaptá-los ao seu conteúdo de forma que gere uma conexão com o público.

Leia blogs de concorrentes, sites de pesquisa, de notícias relacionadas à sua área etc., esses são bons assuntos para serem contextualizados.

Além disso, você pode acompanhar o que os seus seguidores e clientes estão lendo e curtindo, isso trará uma boa noção do que falar. O importante é ser relevante e entregar algum valor para o cliente, mesmo que seja um assunto mais descontraído.

Para auxiliar, você pode antecipar o conteúdo que será publicado na sua estratégia para não se perder. Então, crie um calendário com todos os dias do mês ou do trimestre e planeje o que integrará a programação de cada data.

4. Acompanhe os seus resultados

Para ter certeza de que as suas iniciativas de marketing digital trouxeram o retorno esperado, você precisa analisar os números. Use plataformas como o Google Analytics e o OpSocial para obter dados de performance do seu site e das redes sociais.

Fique de olho nos números que realmente conseguem traduzir o quanto o seu consultório odontológico está perto dos seus objetivos em sua atuação na internet. Assim, você pode acompanhar a sua própria evolução ao longo do tempo.

O Google Analytics pode te dar toda a análise de quantas pessoas frequentam seu site, quais épocas recebem mais visitas, se suas ações estão gerando retorno em fluxo para seu site, entre muitos outros dados. Ele talvez pareça complicado no começo, mas com um certo tempo de aprendizado, a ferramenta se tonará uma grande aliada.

Apesar de a maioria das redes sociais possuírem ferramentas de monitoramento, que são bem completas, você pode contar com outros serviços de análise. O Opsocial pode monitorar, analisar o engajamento, como curtidas e compartilhamentos, e você pode fazer a gestão dentro do programa. Esse é um recurso mais preciso e poderoso, que pode ser útil para um investimento mais completo.

Ao seguir esses passos, você conseguirá implementar uma excelente campanha de marketing digital para dentistas. É possível aumentar substancialmente a exposição de um consultório e atrair mais clientes com a abordagem adequada. Nunca deixe que a sua estratégia fique estagnada: mantenha-a sempre em renovação.

Contudo, se você não tem tempo ou confiança para aplicar essas ações, acompanhá-las de perto e melhorar, é possível contar com a ajuda de uma agência especializada.

Elas possuem uma equipe com mentalidade voltada para essas ações de marketing digital e podem garantir que seu investimento será bem aplicado e que o retorno seja positivo, trazendo muitos benefícios para seu consultório.

Se você achou essas informações úteis, assine nossa newsletter e receba mais dicas direto no seu e-mail!

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

O que é persona e qual é a diferença em relação ao público-alvo?

A identificação do público de um negócio é uma etapa primordial na construção de qualquer estratégia. Cada nicho de mercado tem características e necessidades diferentes. Então, para ser eficiente e conseguir aproveitar todas as oportunidades, é preciso conhecer para quem você quer vender. Nesse sentido, é muito importante saber o que é persona e quais são as diferenças para o público-alvo.

No post de hoje vamos identificar esse conceito para que você possa criar estratégias eficientes. Boa leitura!

O que é público-alvo?

Antes de explicarmos o que é persona, vamos falar do conceito de público-alvo. Ele representa o nicho de mercado em que você quer atuar, ou seja, para quem você quer vender.

O público-alvo é uma definição geral, com características como localidade, situação financeira e interesses. Pensando objetivamente, você identifica o grupo de pessoas que pode ter interesse e acesso às soluções que você deseja oferecer.

Como exemplo, imagine uma clínica odontológica. Como o atendimento é presencial, o público-alvo de cada clínica é limitado pela região. Então, não faz sentido criar estratégias que atinjam pessoas de localidades muito distantes, salvo para franquias que desejam reforço de marca.

Além disso, deve-se observar o local onde ela está ou será instalada, de acordo com as características socioeconômicas da população.

O que é persona?

Persona é um personagem semifictício, criado a partir de dados de pesquisas reais com o público-alvo. São definidas características pessoais, nível de conhecimento, profissão, comportamentos, necessidades e objetivos. É a personificação do seu cliente ideal.

A razão de definir a persona é agregar dados relevantes para a criação de estratégias. Afinal, é mais fácil criar um plano de ação voltado para uma pessoa do que para um grupo extenso, com características diferentes.

Continuando com nosso exemplo da clínica odontológica, o público-alvo já foi definido. Agora, dentro desse grupo, quais são os clientes ideais? Eles podem ser mulheres, de 30 a 40 anos, que buscam um sorriso perfeito para melhorar a autoestima e qualidade de vida. Essas informações são mais específicas e permitem a criação de estratégias eficientes.

Para que você entenda melhor o que é persona e a diferença entre o público-alvo, confira nosso próximo tópico:

As diferenças entre persona e público-alvo

1. Grupo de pessoas x indivíduo

O público-alvo de uma empresa pode ser um grupo com grande quantidade de pessoas. Todos os indivíduos que podem ter interesse e condição de obter as soluções fazem parte desse conjunto.

Já a persona se baseia em um indivíduo: seu cliente ideal!

2. Observação x pesquisa

Definir o público-alvo é bem mais fácil. Primeiro, é preciso entender as limitações que o seu negócio apresenta. Se é um empreendimento local, seu público está limitado à região. Se é uma solução com preço mais alto, a situação socioeconômica também pode ser limitadora. Porém, com observação é possível identificar essas informações e definir o público-alvo.

Já a persona é mais complexa. Ela deve ser criada com base em pesquisas com seu público real. Procura-se padrões para se chegar à conclusão. É uma análise mais profunda, mas que traz dados mais relevantes.

3. Negócio x relacionamento

O tratamento com o público-alvo é generalista. Não se trata de um indivíduo, e sim de um grupo. O contato com os possíveis clientes é feito de forma padronizada. Então, o seu grupo de consumidores representa negócios.

Já a persona é um indivíduo conhecido. Você tem informações suficientes para oferecer atendimento personalizado, unificado. Você tem o nome, idade, relacionamento, profissão, necessidades e expectativas. O contato é mais próximo e o relacionamento, melhor.

A importância de criar uma persona

Como vimos em nosso artigo, é muito importante entender o que é persona e aplicar no seu negócio. Essa definição possibilita criar planos de ações mais efetivos, com melhor retorno sobre investimento.

Para entender o conceito, há de se saber as diferenças para o público-alvo. Enquanto um trata com um grupo extenso de pessoas, o outro é individual. Um é definido pela observação, o outro se faz por pesquisas. O público-alvo representa negócios, enquanto a persona possibilita melhor relacionamento com os clientes.

Depois dessa explicação, fica clara a importância de entender o que é persona. Mas e você, conhece outras diferenças entre os dois conceitos? Então deixe seu comentário no post e participe dessa discussão!

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Como fazer marketing digital para consultórios de fisioterapeutas?

Fisioterapeutas também devem se preocupar em saber como fazer marketing digital e fortalecer a imagem de seu consultório, a fim de conquistar mais clientes e ter uma marca mais forte no mercado. Isso significa implementar os melhores canais de divulgação e se manter em constante atualização.

Há diversas formas de fazer marketing digital para fisioterapeutas, já que existem muitas técnicas que podem ser utilizadas pelo segmento de saúde. O ambiente digital é capaz de direcionar seus esforços para impactar precisamente o público desejado, por meio de ferramentas altamente eficientes.

Entretanto, para obter bons resultados, você precisa contar com uma estratégia de qualidade. Não basta trabalhar sem qualquer planejamento, pois os retornos não serão positivos.

Para ajudar, selecionamos as melhores estratégias que auxiliarão a como fazer marketing digital para o seu consultório de fisioterapia. Confira!

E-mail marketing

Enviar e-mails estratégicos deve fazer parte do seu planejamento de marketing digital. Ele pode parecer um meio antiquado, mas continua sendo muito eficiente para impactar o público e agregar valor à marca do consultório.

Incentive as pessoas a se cadastrarem para receber novidades e planeje um calendário de envios que entregue conteúdo de qualidade, brindes, descontos ou o que mais você perceber como preferência do público.

Marketing de conteúdo

As pessoas estão sempre em busca de informações na internet, e essa é uma ótima oportunidade de marketing digital para fisioterapeutas. Crie e compartilhe conteúdo relacionado à saúde e bem-estar, sempre levando em conta o perfil do seu público-alvo e que tipo de material ele costuma consumir.

Com esses posts, você poderá atrair a atenção de potenciais clientes do seu consultório de fisioterapia e consolidar-se como uma autoridade no assunto.

Influenciadores digitais

Trazer personalidades influentes no meio da fisioterapia é uma forma bastante eficiente de impactar o seu público. Descubra quem são os influenciadores digitais da sua área, com atenção especial ao perfil de audiência que atraem.

Se houver identificação com a sua marca, negocie uma parceria com essas pessoas e planeje ações que consigam emprestar a autoridade delas para reforçar o posicionamento do seu consultório.

Social ads

As redes sociais podem impulsionar bastante a visibilidade do seu consultório, sendo ótimos canais de marketingpara fisioterapeutas. Além do potencial de alcance orgânico, você também pode investir em posts patrocinados, a fim de aproveitar toda a capacidade desse meio para a sua clínica ou consultório.

Experimente segmentar o seu anúncio para pessoas de perfil altamente específico, de modo a gerar os melhores resultados de acordo com os seus objetivos. Essa publicidade será mostrada ao público certo e, consequentemente, trará mais pessoas para seu negócio.

Vídeos

Apresentar sua clínica por meio de um vídeo é uma estratégia valiosa. Um vídeo institucional transmite os valores e crenças do seu negócio, humaniza, gera valor e aproximação com o público.

Além disso, vídeos curtos dos serviços prestados, promovidos nas redes sociais dentro de uma estratégia geram muito engajamento e retorno. Claro, tudo dentro das normas estabelecidas pelo CREFITO (Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional).

Publicidades

O código de ética profissional restringe algumas práticas publicitárias, mas isso não quer dizer que a propaganda é proibida. É preciso estar ciente do tipo de linguagem que deve ser usada e não prometer curas milagrosas ou intervenções não testadas, por exemplo.

Sua clínica ou consultório pode expor seu trabalho por meio de links patrocinados, que por um determinado valor, colocam seu site entre os primeiros nos resultados de busca. Essa é uma boa opção para ter retorno rápido com um investimento muito mais controlado, comparado à publicidade tradicional.

Contudo, isso pode ser custoso para alguns profissionais, então, uma opção é a criação de um blog para publicar conteúdos relevantes e ganhar autoridade na web. Dessa forma, os usuários terão contato com seu consultório por meio do aprendizado que seus materiais proporcionam e você se tornará uma referência da área.

Posts geolocalizados

A localização é um fator muito importante para um consultório, afinal, as pessoas não desejam se deslocar muito para fazer uma consulta. Assim, os seus anúncios e postagens devem abordar temas que sejam relevantes para a região onde seu negócio está localizado.

Os anúncios devem ter uma atenção especial para a localização, pois essa informação faz toda a diferença na segmentação dessa estratégia. Elas devem atingir os potenciais clientes de uma área onde o consultório pode atender.

Então, a publicidade direcionada para uma determinada região é muito efetiva para atrair clientes que estão próximos ou têm fácil acesso ao seu local.

Lives

Os seguidores das redes sociais adoram transmissões ao vivo, essa é uma ótima forma de se aproximar do seu público. É possível fazer sessões com dicas e esclarecimento de dúvidas, por exemplo.

Com essa atividade frequente é possível se destacar no mercado. Afinal, se você oferece um serviço relevante, em que os usuários podem interagir e esclarecer dúvidas em tempo real, com certeza, sua marca estará marcada na mente das pessoas.

Stories

Essa é outra forma muito interessante de se aproximar do público, já que esse recurso se mantém em destaque por certo tempo no perfil de usuários do Facebook, Instagram, Whatsapp, entre outros.

As publicações no Stories podem demonstrar alguma atividade do seu consultório e aproximar os clientes da realidade de um bom tratamento fisioterápico.

Essa ferramenta é especialmente dedicada ao relacionamento constante entre os usuários e tem bastante apelo comercial, basta pensar em formas criativas de envolver o público.

Depoimentos

O reconhecimento de quem já cliente pode ser bastante útil para converter outras pessoas. A reputação é um fator decisivo na escolha de um profissional de saúde, então, use os seus sucessos para promover o seu negócio.

Não tenha vergonha de pedir um depoimento sobre como o seu consultório ajudou alguém a se recuperar. Esses comentários positivos são estímulos para outras pessoas também se tratarem com você ou sua equipe.

Análise de resultados

Todos os seus esforços em marketing digital, no contexto da fisioterapia, só podem ser classificados como sucessos se os resultados forem acompanhados de perto.

Essa análise precisa ser feita regularmente, atentando para os indicadores que conseguem traduzir o quanto sua campanha está perto dos objetivos propostos. Compare os dados com períodos anteriores para ter uma ideia da sua evolução ao longo do tempo.

Para um consultório fisioterápico, saber como fazer marketing digital é uma grande vantagem competitiva. Com essas ferramentas, o seu negócio pode construir uma marca forte e conseguirá impactar muito mais clientes em potencial, implementando uma estratégia de qualidade. Lembre-se de mantê-la sempre em renovação, já que todos os dias podem surgir novidades vantajosas para o seu mercado.

Se você achou este texto interessante, siga-nos nas redes sociais e tenha mais conteúdos como este direto na sua timeline. Estamos no Facebook e Instagram!

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Marketing B2B no LinkedIn: entenda porque isso é importante para o seu consultório ou clínica.

Em 2013, o LinkedIn inaugurou uma rede social voltada para o mercado corporativo. Em média, eram apenas vinte novas contas por dia. Desde então, o site se transformou e acabou se consolidando como a plataforma nº1 para marketing de conteúdo de acordo com 94% das empresas de B2B.

Contudo, apesar de ser uma estratégia popular, muitas empresas ainda não aproveitam o marketing B2B no LinkedIn. Isso ocorre porque muitas organização ainda estão restritas apenas a uma estratégia de fortalecimento de marca, deixando de lado a capacidade de geração de leads proporcionada pela rede social.

Tendo isso em vista, elaboramos este conteúdo para que você entenda como fazer marketing B2B para o seu consultório ou clínica. Confira!

Desvendando os segredos do marketing B2B no LinkedIn

Iniciar essa estratégia é mais fácil do você imagina e pode gerar bons retornos de médio a longo prazo. Mas assim como em outras estratégias de marketing digital, é preciso ter consistência no planejamento e execução. Somente assim os resultados vão aparecer.

Reunimos abaixo 4 dicas para que você consiga iniciar e tenha sucesso em uma estratégia de marketing B2B no LinkedIn:

1. Crie uma página

Apesar de ser uma dica trivial, esse ponto é muito importante. Inclusive, diversas empresas nem chegam até aqui. Nesse sentido, é muito comum que algumas delas apenas criem um perfil corporativo, como se fosse uma pessoa, e não criem uma página propriamente dita.

No entanto, o perfil funciona de forma muito diferente de uma página, não tendo a mesma visibilidade e não permitindo uma série de opções e customizações, além dos insights da ferramenta de analytics (métricas) e dos métodos de captura de leads.

2. Publique conteúdo de qualidade

Mais do que em qualquer outra rede social, você deve ter muita atenção com o conteúdo publicado no LinkedIn. Nessa rede social, o tom deve ser mais sério e o conteúdo deve realmente ser direcionado para auxiliar algum problema do cliente.

Ou seja, não foque tanto em vender seus produtos e serviços, mas sim em falar a respeito dos problemas e benefícios, ajudar seus clientes. Afinal, no LinkedIn, você deve ser uma referência para seus clientes, alguém em quem eles vão confiar e procurar quando precisarem.

3. Participe e crie grupos

É muito importante participar dos principais grupos relacionados ao seu segmento e especialidade. Veja os debates, participe quando possível e também compartilhe seus conteúdos, sempre atentando para as diretrizes da dica anterior.

Com efeito, é nos grupos que a sua clínica ou consultório terá maior visibilidade, pois o conteúdo publicado nesses nichos de interesse é muito mais eficiente do que o feed orgânico do LinkedIn. Geralmente nos grupos você terá mais alcance entre profissionais de especialidades complementares que conhecerão o seu trabalho e serão potenciais indicadores.

4. Não deixe tudo nas mãos do marketing de automação

Pode ser tentador deixar toda a interação para uma plataforma de marketing de automação, afinal, o esforço é muito menor e os resultados costumam ser muito bons. Contudo, no LinkedIn, as pessoas estão dispostas e esperam que seja estabelecida uma verdadeira relação entre usuários e empresas.

Por isso, aproveite a oportunidade para se conectar verdadeiramente com prospects e clientes, tornando-se uma referência e alguém em que eles confiem. Sobretudo, como destacamos, tenha em mente que realizar o marketing B2B no LinkedIn é mais fácil do que você imagina. E as clínicas e consultórios que não estão fazendo isso agora já estão ficando para trás da concorrência.

Gostou deste post? Aproveite para ler o nosso conteúdo sobre como adotar uma boa estratégia de Inbound Marketing para seu consultório e atrair ainda mais clientes.

 

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Autoridade online: como tornar meu consultório uma referência digital?

Com o aumento cada vez mais intenso da concorrência, organizações de todos os tipos precisam oferecer ainda mais atrativos para continuarem relevantes. Isso também vale para um consultório ou clínica, e a melhor maneira de garantir esse sucesso é aumentando a sua autoridade online.

Uma pessoa se sentirá muito mais segura ao ter contato com um consultório que ela vê como referência em sua respectiva área. Felizmente, é bem simples de implementar uma estratégia focada nisso. Um consultório ou clínica que possui uma boa autoridade online é capaz de aumentar sua visibilidade, conquistar mais clientes e se manter no caminho do sucesso por bastante tempo.

Conheça, a seguir, as melhores formas de tornar o seu consultório uma autoridade online!

Conheça o seu público

O que você sabe a respeito dos seus clientes? A partir do contato com o seu consultório, é possível aprender muito sobre as expectativas deles, o que será determinante para a sua estratégia de aumentar sua autoridade online.

Tenha atenção especial para quais são as principais necessidades deles. Eles buscam informações? Tirar dúvidas? Querem algum tipo específico de direcionamento? Esses dados serão vitais não só para o seu conteúdo como também para seu plano de negócios.

Crie um blog informativo

Você com certeza já compartilhou nas redes sociais vários artigos de especialistas da sua área que tratam de temas pertinentes ao seu mercado. Os autores desses posts com certeza são vistos como autoridades por você. Que tal trazer essa percepção para o seu consultório também?

Para contar com esses benefícios, você precisa de um espaço para publicação de conteúdo se deseja se tornar uma autoridade online. A cada post informativo que você publicar ali, mais gente poderá encontrar o seu material e passar a ver o seu consultório ou clínica como um especialista no assunto.

Interaja nas redes sociais

Um consultório passa a ser visto como uma organização mais atuante e influente em sua área quando interage mais nas redes sociais. Hoje em dia, contamos com diversos canais possíveis para que essa interação ocorra, então, basta escolher aqueles que fazem mais sentido para os seus objetivos.

Procure não deixar ninguém sem resposta, já que as pessoas costumam fazer muitas perguntas e desejam atenção o quanto antes. A cada contato positivo, a sua autoridade online crescerá.

Publique materiais ricos

Você não pode e nem deve se limitar apenas a posts de blog e redes sociais. O ambiente digital conta com várias possibilidades que ajudam a entregar informação mais valiosa ao seu público, solidificando seu consultório ou clínica como uma autoridade online.

Uma alternativa é publicar e-books, que permitem desenvolver um conteúdo mais denso e, consequentemente, mostrar que o conhecimento do seu consultório é ainda mais profundo. Experimente também formatos como vídeos, infográficos, webinars, guias, checklists, entre outros.

Monitore os resultados

Uma autoridade online mais robusta está ao alcance do seu consultório ou clínica, basta implementar os esforços certos. Siga as dicas que destacamos acima e desenvolva uma estratégia focada em atingir o público certo com o conteúdo adequado.

Enquanto isso, nunca deixe de conferir seus resultados em tempo real. A partir deles, você consegue saber quais estratégias estão dando certo e as que precisam de ajustes. É a sua capacidade de se adaptar que vai definir o seu potencial de sucesso.

Gostou do nosso post sobre autoridade online? Quer continuar por dentro de todas as novidades? Basta curtir a nossa página no Facebook!

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Mais visibilidade: aprenda a divulgar sua clínica ou consultório no Instagram

Que tal contar com a ajuda da internet para movimentar os negócios? Você pode divulgar uma clínica  ou consultório no Instagram com bastante eficiência se implementar algumas iniciativas certeiras.

O Instagram deixou de ser apenas mais um app de fotos. Hoje, é uma plataforma legítima de marketing que pode trazer resultados expressivos para empresas de diversos segmentos. A rede já ultrapassou o número de 700 milhões de usuários, quase 30 milhões deles no Brasil.

Toda essa visibilidade está ao alcance da sua clínica se você implementar uma estratégia de qualidade. O sucesso depende de criar uma campanha adequada para o seu público-alvo ao levar em conta os seus objetivos.

Aprenda a seguir as melhores formas para divulgar uma clínica ou consultório no Instagram!

Conteúdo de qualidade

As pessoas precisam de incentivo para se engajarem com o conteúdo publicado no seu perfil quando você quiser divulgar no Instagram. Leve em consideração o perfil dos clientes que você pretende atingir, que tipo de material gostam de ler e comentar. Esse deve ser o centro da sua estratégia de conteúdo nessa rede.

Instagram Ads

Além de possibilitar diversos tipos de publicações, o Instagram também conta com uma plataforma de anúncios digitais que permite direcionar sua publicidade para segmentos bem específicos.

Você pode divulgar uma clínica ou consultório no Instagram apenas para pessoas que têm boas chances de precisar dos serviços dela, por exemplo. Confira todas as possibilidades existentes na ferramenta e faça testes até chegar ao resultado que deseja.

Stories

Recentemente, o Instagram passou a oferecer mais um tipo de conteúdo para ser publicado no Instagram: os posts efêmeros, que desaparecem depois de 24 horas.

As publicações desse tipo aparecem em destaque no topo do aplicativo, dando à sua clínica a oportunidade de chamar mais atenção dos seguidores. Esse formato também é excelente para vídeos, tornando a sua variedade de conteúdo ainda maior.

Hashtags

Que tal aumentar consideravelmente a exposição do seu conteúdo no Instagram? Basta utilizar hashtags nos seus posts.

Nessa rede social, existem feeds especiais para cada hashtag. Neles, são reunidas todas as publicações que utilizam cada hashtag. Portanto, se você adotar essa tática, terá a divulgação da sua clínica aparecendo não só no seu perfil como também nessas listas temáticas.

Interação com público

Divulgar uma clínica no Instagram não é só uma questão de publicar conteúdo promovendo seus serviços. Você também precisa se dedicar à interação com quem entra em contato com a clínica por meio dessa rede. As pessoas farão perguntas e precisam de respostas. Se você ignorar seu público, ele dificilmente terá motivação para continuar interagindo com você.

Divulgar uma clínica no Instagram é perfeitamente possível se você implementar uma estratégia de qualidade. Tenha em mente que essa rede social tem conceitos e parâmetros diferentes dos de outras redes. Ao mesmo tempo, você deve levar em conta conceitos universais do marketing, como direcionar sua comunicação para o público certo e focar na imagem que sua clínica deseja expressar no mercado.

Quer aprender um pouco mais sobre uma das principais redes sociais do mundo, baixe aqui o nosso e-book gratuito Instagram – Dicas para atrair o público certo para o seu consultório ou clínica.

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Marketing digital para área de saúde: entenda a importância da visibilidade online

O marketing digital para área de saúde nada mais é do que criar atividades online, mostrar a identidade da sua clínica ou consultório e ter mais proximidade com os seus clientes.

O uso da internet cresce a cada dia, seja pela busca de informações — por causa da preocupação em estar sempre a par de tudo o que acontece —, seja pela busca de serviços online.

Na área da saúde, não é diferente. A cada dia, milhões de pessoas acessam sites de busca à procura de serviços especializados e profissionais capacitados.

Por isso, deixar a sua clínica ou consultório visível e com uma comunicação alinhada ao perfil do público-alvo é uma estratégia fundamental. Conhecê-los melhor ajudará na relação entre a clínica e o paciente, e até mesmo atrairá novos clientes.


[EBOOK] Links Patrocinados

Planejamento e renovação

Com planejamento adequado, é possível renovar a imagem da sua clínica ou consultório e atingir os seus objetivos, mesmo em se tratando de um assunto delicado como a saúde, pois já sabemos do grande índice de autodiagnósticos que as pessoas fazem na internet em sites, como o Google e o Bing.

Uma boa administração do site é possível por meio de assessoria de marketing digital, para aumentar a visibilidade, ter um conteúdo de informações confiáveis, manter o cliente em contato com a sua clínica, tendo um site corretamente informativo e de fácil navegação.

As estratégias do marketing digital para área da saúde são úteis também para se diferenciar da concorrência, com campanhas de marketing, informações apropriadas, certificando-se de que as pessoas consigam abrir o conteúdo, não só no computador, mas também em dispositivos móveis.

Redes sociais

Nos dias atuais, sabemos a importância da divulgação nas mídias sociais — praticamente metade do país está ligada a mais de um tipo de rede social.

O vínculo criado entre a clínica e o cliente é de grande relevância, aumentando a credibilidade da clínica ou do profissional de saúde, trazendo número maior de clientes novos.

Hoje em dia, as redes sociais mais usadas são Facebook, Instagram e YouTube, sites nos quais as pessoas podem obter informações confiáveis e de forma simplificada.

O Facebook dá a possibilidade de a clínica interagir mais com o cliente, o que é muito bom, porque os comentários e as avaliações podem atrair mais pacientes e também ajudam outras pessoas a terem conhecimento de assuntos sobre a área da saúde até então desconhecidos.

Visibilidade

Essa aproximação com os clientes nas redes sociais, interagindo, tirando dúvidas de maneira simples e clara, ajuda na credibilidade da clínica, aumenta a confiança dos clientes e, por consequência, a torna mais visível.

O monitoramento das publicações e informações nas redes sociais deve ser constante, atualizado e acompanhado com frequência, tornando a procura da clínica pelos clientes cada vez mais contínua.

Outro sistema interessante é o uso de aplicativos em celulares. Sua clínica poderá oferecer algo de diferente, como monitoramento no período da gravidez, pelos ginecologistas, ou nutricionistas com aplicativos para dietas e controle de peso. Os benefícios desses aplicativos são enormes, tanto para a clínica, como em credibilidade e divulgação.

Agora que você já sabe a importância do marketing digital para área de saúde, o quanto pode ajudá-lo a crescer, a importância de interagir com os clientes e se diferenciar de seus concorrentes, mãos a obra!
Tem mais dúvidas? Baixe nosso e-book gratuito Marketing Digital no Facebook

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Marketing Digital: afinal, é um investimento ou gasto?

Profissionais da área da saúde normalmente são muito ocupados e não têm muito tempo para gerenciar páginas e conteúdos para websites. Por isso, diversas vezes, se perguntam se o investimento em Marketing Digital é mesmo válido.

Se esse é o seu caso, o post de hoje foi feito para você! Discutiremos se realmente vale a pena aplicar seus recursos nesse tipo de estratégia e quais as formas para garantir um retorno em forma de clientes. Acompanhe!

Gasto x Investimento

Um dos maiores desejos de quem faz uso de mídias online é levar conteúdo de qualidade para seus visitantes. Da mesma forma, os profissionais da saúde também desejam que seus clientes tenham as melhores práticas possíveis.

Você já deve saber que a área da saúde está conectada às ferramentas de Marketing. Os internautas também querem informações relevantes para evitar problemas de saúde no futuro. Assim, temos o clima perfeito para as estratégias digitais.

Por isso, investir em Marketing Digital não deve ser visto como um gasto, mas como algo que trará retorno no futuro. Entretanto, para que as aplicações atinjam o seu objetivo, devemos nos certificar de que tudo será feito da maneira mais planejada possível.

Caso contrário, com o trabalho de profissionais ruins e estratégias mal pensadas, o Marketing Digital pode, sim, ser um gasto. 

Para que tudo dê certo

Se você quer investir e quer prestar atenção a cada centavo gasto, veja uma lista das etapas que são essenciais em um plano de Marketing Digital.

Planejamento

Embora seja relativamente fácil começar campanhas online, todos os passos devem ser bem calculados. Antes de tudo, deve-se verificar quais são os objetivos empresariais, em quanto tempo eles devem ser cumpridos e se são alcançáveis.

Um investidor que não sabe onde quer chegar pode ir para qualquer lugar.

Definição de estratégias

A partir do momento em que você sabe qual é seu objetivo, é hora de escolher quais são as ferramentas e as estratégias que serão utilizadas. Nesse processo, também deve-se justificá-las a partir dos dados do negócio, dos objetivos e da situação do seu consultório ou clínica.

Lembre-se de que nenhuma estratégia é ruim em si, visto que cada uma delas pode ser utilizada em um determinado contexto para um certo objetivo.

Definição da equipe

Todas as etapas de Marketing (planejamento, execução e mensuração dos dados) devem ser vistas de perto por profissionais de qualidade.

Esses profissionais podem pertencer à equipe da própria clínica/consultório ou, então, pode-se contratar uma empresa terceirizada.

Independentemente da escolha, certifique-se de que os melhores profissionais foram contratados, uma vez que é necessário ter expertise para desenvolver as práticas.


[EBOOK] Links Patrocinados

Quando o investimento vira gasto

Muitas clínicas contratam profissionais ou agências que não sabem, de fato, o que estão fazendo.

Para evitar investir sem sucesso, primeiramente, certifique-se de escolher pessoas ou empresas que já tenham experiência comprovada com Marketing Digital. Se possível, escolha aquelas já trabalharam com as estratégias aplicadas à área da saúde. Veja os cases que eles apresentam e compare-os com o seu objetivo.

Além disso, acompanhe cada etapa do processo, vendo se há planejamento adequado e se os resultados estão caminhando para chegar onde você quer. Como em qualquer área, os processos podem ser mal realizados e, assim, os objetivos ficam distantes. Porém, se bem planejados e executados, a chance de sucesso é muito alta.

Após a leitura, você compreendeu a importância de planejar e definir estratégias? Já tinha pensado nisso? Já teve alguma experiência positiva ou negativa? Conte-nos!

E se você está começando a trabalhar com Marketing Digital para o seu consultório, é normal ter muitas dúvidas. Que tal baixar nosso eBook gratuito sobre campanhas online? Nele você vai ter as melhores dicas para criar uma excelente ação digital.
👉 Clique Aqui!

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

4 ferramentas de comunicação indispensáveis para profissionais da saúde

Cada vez mais pessoas procuram serviços relacionados à saúde por meio da internet. Compreendendo esse fator, os profissionais da área buscam criar uma presença on-line forte e capaz de atrair e fidelizar clientes. 

Como o mercado digital possui diversas formas de se apresentar ao grande público, é necessário encontrar as que mais se adequam ao seu negócio. Por isso, listamos 4 ferramentas de comunicação para profissionais da saúde. Saiba como elas podem ajudar você a alcançar ótimos resultados. 

1. Redes sociais e sua visibilidade

Rede sociais como o Facebook, Instagram e Linkedin apresentam um grande número de usuários e, consequentemente, potenciais clientes. Levando em conta que todo mundo precisa de serviços da área da saúde, se posicionar corretamente nessas mídias pode ajudar a gerar muitas conversões. 

Aproveitando a visibilidade que essas ferramentas apresentam, é possível criar um relacionamento sólido com o seu público, especialmente apresentando conteúdo de qualidade e ganhando o status de autoridade no assunto. 

Além disso, mais do que atrair o público, elas são fundamentais para ajudar a medir os indicativos de como as pessoas estão enxergando o seu negócio e, a partir disso, manter ou melhorar a sua estratégia.  

2. Site bem estruturado e sua importância 

Para se destacar no mundo digital, é fundamental preocupar-se em oferecer a melhor experiência possível ao usuário. Nesse cenário, um site bem estruturado tem fundamental importância, e diversos fatores contribuem para isso. 

Podemos citar a necessidade de ter um design responsivo, pois grande parte dos usuários acessa o site via dispositivos móveis.

Também é preciso se preocupar com a clareza na apresentação dos serviços e formas de contratação, além de uma identidade visual que esteja alinhada ao seu público-alvo e gere valor à marca.

3. Conteúdo de qualidade e seu poder de atração 

A produção de conteúdo de qualidade, especialmente por meio de blogs, é uma excelente ferramenta para chamar a atenção do público.

Assuntos da área da saúde podem ser bem técnicos em alguns momentos, mesmo que muitos deles sejam de interesse geral. Por isso, traduzir esse tipo de informação para uma linguagem mais fácil é uma ótima maneira de atrair visitantes e potenciais clientes

Além disso, essa é uma forma bem eficiente de se destacar da concorrência, já que nem todos estão dispostos a produzir conteúdo e o disponibilizar de forma gratuita. 

4. Ajuda especializada e questões éticas 

Os conselhos que regulam a atuação dos profissionais da área da saúde possuem regras e mecanismos legais que englobam a questão de marketing, exposição e divulgação de serviços. 

Para respeitar esses prismas, é preciso ter conhecimento sobre as regras, a fim de evitar uma divulgação que possa ferir esses princípios e que venha a trazer problemas para a imagem da empresa.

Por isso, é recomendável ter ajuda especializada para cumprir essas exigências e atuar de forma clara e transparente dentro do mercado digital, aproveitando tudo que ele tem para oferecer.  

Com o uso dessas ferramentas de comunicação para profissionais da saúde, juntamente com uma estratégia de marketing digital consistente, é possível levar o seu negócio para um outro nível e obter os resultados desejados. 

E se você está começando a trabalhar com Marketing Digital, é normal ter algumas dúvidas de onde investir primeiro, não é mesmo? Que tal baixar nosso eBook sobre campanhas online? Clique Aqui!

 

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.

Como fazer Inbound Marketing para a área de saúde?

Atrair pessoas para clínicas e consultórios é uma tarefa que se torna cada dia mais complexa, principalmente porque os clientes pesquisam primeiramente pela web antes de irem até você pessoalmente. Estatísticas apontam que mais de 60% das pessoas, antes de adquirirem um produto ou serviço, pesquisam na internet. Por isso é imprescindível que o seu consultório exista no mundo digital.

Para você, profissional de saúde, existem maneiras específicas de lidar com o mundo online e usar a tecnologia a seu favor. Alimentar blogs e redes sociais, produzir conteúdo relevante e identificar o “cliente ideal” parece uma estratégia complicada. Mas não é! E nós vamos explicar como colocar essa ideia em prática por meio de uma estratégia denominada Inbound Marketing.

Neste post, separamos as principais dicas de como fazer Inbound Marketing para sua clínica ou consultório. Confira!

O que é Inbound Marketing?

O Inbound Marketing, popularmente conhecido como Marketing de Conteúdo, é uma estratégia de marketing digital que tem como objetivo nutrir e educar clientes, mesmo que eles ainda não estejam prontos para efetivar a compra de um produto ou serviço.

Esse processo de envolvimento com o público-alvo ocorre por meio de conteúdo relevante para o cliente. Postagens em blogs, redes sociais e envio de email marketing são algumas opções para compartilhamento desse material.

Mas você deve estar se perguntando: por que investir em marketing digital para um cliente que ainda não está pronto para realizar uma compra? Para responder a essa pergunta, vamos conversar sobre a importância do Inbound Marketing nos dias atuais e seus benefícios.

Quer saber tudo sobre Marketing Digital para sua clínica ou consultório? Temos a solução pra você!

 

Por que o Inbound Marketing é importante? Quais são os seus benefícios?

Hoje em dia, os clientes estão cada vez mais exigentes e bem informados. Por essa razão, ter canais de comunicação para distribuir apenas conteúdo promocional não é o suficiente.

Isso é ainda mais importante em empreendimentos na área da saúde, onde o cliente precisa se sentir seguro, uma vez que os procedimentos impactam diretamente em sua saúde e bem-estar. Dessa forma, o Inbound Marketing surge como uma opção altamente eficiente na atração e retenção de clientes!

Disponibilizar conteúdos relevantes, além de atrair novos clientes, aumentar a visibilidade e credibilidade do consultório ou clínica, irá criar a lembrança de marca, fazendo com que o usuário se lembre e retorne quando precisar de produtos ou serviços relacionados.

Dentre alguns outros benefícios, estão:

  • facilidade em mensurar resultados;
  • otimização dos gastos com estratégias de marketing;
  • melhora no ranqueamento do site em pesquisas orgânicas;
  • realização de estratégias mais aderentes ao perfil do seu cliente.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre o Inbound Marketing, que tal colocar a mão na massa e aprender como aplicá-lo para a área da saúde?

Defina a Persona

Apesar de óbvio, o fato de você conhecer o seu “cliente ideal” não é simples. É necessário realizar uma pesquisa para determinar quem realmente é o seu público-alvo antes de iniciar qualquer estratégia de marketing.

Com esses dados você terá informações suficientes para criar uma persona. Ela será o arquétipo do seu cliente ideal!

Quando for defini-la se atente para os hábitos de consumo e de compra, idade, sexo, localização, modo como utiliza a internet, entre outros. Faça uma lista com as informações relevantes e monte um personagem para representá-la.

Definir a persona é primordial para a implementação de uma estratégia de Inbound Marketing. Ao saber quem é o seu público, ficará mais fácil entender qual tipo de conteúdo ele gostaria de ter acesso e por meio de quais plataformas. Isso tornará sua estratégia mais aderente e, consequentemente, trará mais resultados.

Defina os objetivos da clínica

Agora que você já possui o perfil do seu “cliente ideal”, chegou a hora de definir os objetivos que a sua clínica quer alcançar com a estratégia de marketing digital.

Todo planejamento se inicia a partir das respostas às indagações específicas de suas metas. Portanto, defina os objetivos de seu consultório para com essa campanha de marketing: atrair clientes novos, manter os que já possui, aumentar sua visibilidade, lançar um novo serviço?

Lembre-se de sempre rever se os seus objetivos estão alinhados com a sua estratégia de marketing. Caso não estejam, reformule a estratégia para que sejam contemplados os novos desafios.

Fique de olho para não perder oportunidades de divulgação. Inclua postagens sobre datas especiais e tratamentos específicos e atinja melhores resultados!

Domine o código de ética e de publicidade para a sua área de atuação

Quando se realiza a propagação de conteúdo online é indispensável estar atento ao código de ética da profissão cujo trabalho está divulgando. Especialmente na área da saúde, há muitas restrições nesse sentido.

Na dúvida, consulte o conselho responsável antes de realizar qualquer publicação.

Construa a jornada do cliente

Resumidamente, a jornada de compra do cliente é o caminho que ele deverá percorrer até realizar uma compra. Importante lembrar que durante todo esse percurso ele será nutrido com conteúdos educativos: posts, ebooks, webinars, infográficos, vídeos.

As etapas da jornada de compra são:

  • aprendizado e descoberta: neste momento, o objetivo é despertar o interesse e fazer com que os visitantes aprendam mais sobre sua clínica ou consultório. A dica é possuir conteúdos mais amplos para chamar a atenção do público;
  • reconhecimento do problema: a persona já identificou que possui um problema e conhece algumas soluções para resolvê-lo. Dessa forma, divulgue conteúdos que possuam uma abordagem voltada ao problema em si;
  • consideração da solução: aqui a persona está avaliando as soluções existentes. Conteúdos mais completos e específicos para determinados assuntos são a chave;
  • decisão de compra: agora, a busca tem foco em comparar as clínicas e consultórios existentes e avaliar qual a opção com o melhor serviço. Ressalte os diferenciais competitivos do seu negócio com materiais ricos que auxiliem a tomada de decisão.

Ter acesso ao tipo de conteúdo que o usuário está consumindo ajuda a determinar em que etapa da jornada de compra ele se encontra, tornando a estratégia de marketing e a venda mais concretos!

Elabore um funil de vendas para cada etapa

O Funil de vendas possui 4 etapas: atrair, converter, relacionar e vender.

A partir da jornada de compra do cliente é possível descobrir sua localização do funil de vendas. Resumidamente, o funil de vendas funciona da seguinte forma:

  • Atrair: com o Inbound Marketing sua clínica ou consultório irá atrair visitantes por meio de conteúdos relevantes;
  • Converter: para ter acesso a alguns conteúdos específicos, como ebooks, será preciso preencher um formulário (nome e email) de conversão;
  • Relacionar: se relacione com o seu cliente por meio de conteúdos adequados ao seu estágio na jornada de compra;
  • Vender: após realizar a venda, o trabalho não acabou! O marketing de conteúdo tem como objetivo reter os clientes para que eles se tornem fiéis ao seu serviço.

Escolha as ferramentas certas

Links patrocinados

Enquanto sua clínica ainda não conseguiu aparecer nos primeiros resultados dos mecanismos de busca de forma orgânica, uma opção viável e muito interessante é investir em links patrocinados. O resultado desse tipo de investimento é imediato e você ganha tempo para que suas estratégias a médio prazo tenham efeito.

SEMRush

O SEMRush é uma das melhores plataforma para quem trabalha com Inbound Marketing. Com ela é possível visualizar o tráfego mensal, analisar a concorrência, descobrir em quais palavras-chave você está ranqueado e identificar quais sites estão linkando para o seu blog.

Google Keyword Planner

Por meio do Google Keyword Planner é possível fazer, de forma detalhada, a busca sobre palavras-chave. Essa ferramenta é integrada ao Google AdWords e mostra as tendências dos conceitos buscados no Google AdWords.

Google Analytics

Com o Google Analytics é possível colher dados como idade, sexo, localização geográfica, taxa de rejeição do site e até mesmo os dispositivos utilizados para acessar seu site.

MailChimp

O MailChimp é uma ferramenta para a automatização do envio de email marketing.

Envio de newsletter, compartilhamento dos posts mais acessados em determinado período ou conteúdos mais complexos – como ebooks – são alguns formatos que podem fazer uso dessa estratégia.

Sabemos que o volume de novas informações pode ser alto quando falamos sobre Inbound Marketing. Mas não há porque se desesperar! O marketing de conteúdo é uma estratégia a longo prazo, o que dará a você tempo para entender melhor cada uma das etapas.

 

Mas, se precisar de ajuda, entre em contato conosco. Temos uma equipe de especialistas pronta para te auxiliar você no que for necessário!

 

Empreendedor, publicitário, empresário, CEO e sócio-fundador da Agência GIP.

Diretor do departamento de web e marketing digital.

Especialista Nanodegree em Marketing Digital pela Udacity Universidade do Vale do Silício.

MBA em gestão e mercado para consultórios e clínicas pelo Grupo Caproni.

Graduado em Comunicação Social com ênfase em Publicidade e Propaganda e pós-graduado em Comunicação Empresarial e Marketing.

100% família, fã de realities empresariais, alfenense de coração, pai do Thomás e karateca faixa verde.

Empreender é se jogar de um precipício e construir um avião durante a queda.